sábado, 31 de dezembro de 2016

Um velho conhecido: o labirinto

     Desde a antiguidade o labirinto é temido. Seja pelo medo de andar em círculos por toda a eternidade, por sinal uma ótima metáfora para a vida, nunca encontrar o caminho certo, idem, ou o medo de se deparar com perigos como armadilhas ou feras terríveis como o minotauro. 
     Hoje em dia os labirintos, mais do que temidos, são relacionados com  diversão, um desafio. Pode ser algo físico como no Sítio do Carroção, o acampamento que merece ser conhecido por todos, seja em filmes como Harry Potter e o Cálice de Fogo, assim como no livro de J. K. Rowling , este, por sinal melhor que o filme e também nos games.
     Desde clássicos como Adventure, passando por Zelda, Ducktales e jogos de Yugioh, até Resident Evil, God of War e Dark Souls, os labirintos estão presentes nos games. Eles podem ser do tipo tradicional, com seus muros de pedras, uma fase com várias portas, cada uma levando a um lugar diferente, obrigando-nos a memorizar o caminho, ou espaços abertos, aparentemente, mas que, depois de uma longa caminhada, nos levam ao local de início. 
     Diferentemente de Teseu não temos o fio de Ariadne para nos guiar de volta. Alguns podem dizer que temos mapas, mas estes normalmente só mostram uma parte pequena dos labirintos, não sendo a resposta definitiva, sem contar que, quase sempre estamos lutando contra adversários ou escapando de armadilhas, ficando difícil se concentrar em um mapa.
     Séculos se passara, mas os labirintos continuam muito vivos em nossa cultura, desde projetos arquitetônicos e urbanísticos, até o prazer de um filme, livro ou game. Seja como for, mais do que temido, eles são agora apreciados, apesar de ser algumas vezes tenso lidar com tais obstáculos. Boa sorte em tentar desvendá-los e, sempre que possível, divirta-se no caminho.
     Saudações gamers
__________________________________________________________________
     A NGC quer saber sua opinião. Ela é importante para nós. Faça seus comentários, divulgue nosso trabalho e siga-nos nas redes sociais. Ajude-nos a melhore a comunidade gamer do Brasil. Juntos somos mais fortes.
     E não se esqueça de prestigiar os nossos parceiros. É só clicar em um dos banners aqui no nosso site, assim TODO MUNDO sai ganhando. É rápido e prático.
     
  • Clique aqui para nos seguir no Twitter
  • Clique aqui para nos seguir no Facebook
  • Clique aqui para nos seguir no Google +

Dead Rising 4 : Vale ou não a pena jogar

Vídeo do Zangado





__________________________________________________________________


     A NGC quer saber sua opinião. Ela é importante para nós. Faça seus comentários, divulgue nosso trabalho e siga-nos nas redes sociais. Ajude-nos a melhore a comunidade gamer do Brasil. Juntos somos mais fortes.
     E não se esqueça de prestigiar os nossos parceiros. É só clicar em um dos banners aqui no nosso site, assim TODO MUNDO sai ganhando. É rápido e prático.
     
  • Clique aqui para nos seguir no Twitter
  • Clique aqui para nos seguir no Facebook
  • Clique aqui para nos seguir no Google +

sexta-feira, 30 de dezembro de 2016

Oficinas e jogos eletrônicos: produção de saúde mental?

Artigo de Carlos Baum e Cleci Maraschin

http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1414-32832016000401053&lang=pt
__________________________________________________________________
     A NGC quer saber sua opinião. Ela é importante para nós. Faça seus comentários, divulgue nosso trabalho e siga-nos nas redes sociais. Ajude-nos a melhore a comunidade gamer do Brasil. Juntos somos mais fortes.
     E não se esqueça de prestigiar os nossos parceiros. É só clicar em um dos banners aqui no nosso site, assim TODO MUNDO sai ganhando. É rápido e prático.
     
  • Clique aqui para nos seguir no Twitter
  • Clique aqui para nos seguir no Facebook
  • Clique aqui para nos seguir no Google +

Splatoon: Upando Rápido! - Nintendo Wii U multiplayer

Vídeo do EngLeo da Cjbr

www.cjbr.com.br





__________________________________________________________________


     A NGC quer saber sua opinião. Ela é importante para nós. Faça seus comentários, divulgue nosso trabalho e siga-nos nas redes sociais. Ajude-nos a melhore a comunidade gamer do Brasil. Juntos somos mais fortes.
     E não se esqueça de prestigiar os nossos parceiros. É só clicar em um dos banners aqui no nosso site, assim TODO MUNDO sai ganhando. É rápido e prático.
     
  • Clique aqui para nos seguir no Twitter
  • Clique aqui para nos seguir no Facebook
  • Clique aqui para nos seguir no Google +

quinta-feira, 29 de dezembro de 2016

Duodrip #RIP

     Acabei de receber um email com a triste notícia de que a Duodrip está encerrando as atividades. Para quem não conhece a empresa produzia camisetas gamers de altíssima qualidade, tanto que planejávamos fazer uma parceria com eles.
     Eu uso direto as camisetas compradas na loja, com suas estampas incríveis e que vieram em caixas sensacionais imitando o controle do Super Nintendo e um Gameboy. Para os fãs de games e de sua cultura com certeza é uma grande perda. Não sei os fatores que levaram a este fim, mas gostaria que não tivessem acontecido..
     Seja como for, se você ainda quiser comprar algo na loja é só clicar no link do site: www.duodrip.com . Definitivamente uma perda para a Comunidade gamer do Brasil.
     Saudações gamers
     
__________________________________________________________________
     A NGC quer saber sua opinião. Ela é importante para nós. Faça seus comentários, divulgue nosso trabalho e siga-nos nas redes sociais. Ajude-nos a melhore a comunidade gamer do Brasil. Juntos somos mais fortes.
     E não se esqueça de prestigiar os nossos parceiros. É só clicar em um dos banners aqui no nosso site, assim TODO MUNDO sai ganhando. É rápido e prático.
     
  • Clique aqui para nos seguir no Twitter
  • Clique aqui para nos seguir no Facebook
  • Clique aqui para nos seguir no Google +

Street Fighter V - Season 2 - Akuma : Conferindo o Game

Vídeo do Zangado





__________________________________________________________________


     A NGC quer saber sua opinião. Ela é importante para nós. Faça seus comentários, divulgue nosso trabalho e siga-nos nas redes sociais. Ajude-nos a melhore a comunidade gamer do Brasil. Juntos somos mais fortes.
     E não se esqueça de prestigiar os nossos parceiros. É só clicar em um dos banners aqui no nosso site, assim TODO MUNDO sai ganhando. É rápido e prático.
     
  • Clique aqui para nos seguir no Twitter
  • Clique aqui para nos seguir no Facebook
  • Clique aqui para nos seguir no Google +

quarta-feira, 28 de dezembro de 2016

Adeus, Princesa

     O mundo inteiro ficou muito chateado com a morte da Carrie Fisher, a eterna Princesa Leia da Saga Star Wars. Não poderíamos deixar de fazer uma homenagem a esta atriz que fez um papel tão marcante.
     Tirando as princesas da Disney, creio que a Princesa Leia seja a mais famosa do mundo, apesar que agora, também faça parte do estúdio criador do Mickey. Junto com ela, apenas algumas personagens dos games podem fazer frente às criadas por Walt Disney e seu estúdio, como as Princesas Peach e Zelda. Sem sombra de dúvidas Leia foi a mais Rebelde, no melhor dos sentidos. Uma personagem forte, carismática, destemida ao mesmo tempo que sensível, apaixonada e leal. 
     No mundo dos games, a personagem poucas vezes foi jogável, sendo isso apenas nos jogos mais recentes como o novo Battlefront e no jogo da Lego. Mesmo assim, não deixa de ser um dos mais queridos graças aos filmes de Star Wars e seu incrível universo.
     Infelizmente perdemos Carrie Fisher, a eterna Leia, uma das líderes da Aliança Rebelde na luta contra o Império galático há muito tempo, numa galáxia muito, muito distante. Apesar da morte do corpo, ela continuará viva nos corações de todos os fãs desta incrível saga e na história do cinema como um dos personagens mais queridos de todos os tempos.
     Saudações gamers
__________________________________________________________________
     A NGC quer saber sua opinião. Ela é importante para nós. Faça seus comentários, divulgue nosso trabalho e siga-nos nas redes sociais. Ajude-nos a melhore a comunidade gamer do Brasil. Juntos somos mais fortes.
     E não se esqueça de prestigiar os nossos parceiros. É só clicar em um dos banners aqui no nosso site, assim TODO MUNDO sai ganhando. É rápido e prático.
     
  • Clique aqui para nos seguir no Twitter
  • Clique aqui para nos seguir no Facebook
  • Clique aqui para nos seguir no Google +

Darksiders Warmastered Edition: Primeira Gameplay

Vídeo do EngLeo da Cjbr

www.cjbr.com.br





__________________________________________________________________


     A NGC quer saber sua opinião. Ela é importante para nós. Faça seus comentários, divulgue nosso trabalho e siga-nos nas redes sociais. Ajude-nos a melhore a comunidade gamer do Brasil. Juntos somos mais fortes.
     E não se esqueça de prestigiar os nossos parceiros. É só clicar em um dos banners aqui no nosso site, assim TODO MUNDO sai ganhando. É rápido e prático.
     
  • Clique aqui para nos seguir no Twitter
  • Clique aqui para nos seguir no Facebook
  • Clique aqui para nos seguir no Google +

terça-feira, 27 de dezembro de 2016

E se Pokémon fosse ambientado no Brasil?

     Tive a seguinte ideia. E se Pokémon, tanto o game como o anime, se passasse no Brasil? Eis algumas coisas que aconteceriam:
     Depois de uma longa jornada entre duas cidades, enfrentando diversos Pokémons selvagens e outros treinadores, com todos seus os monstrinhos exaustos e precisando se recuperar, o treinador iria ao centro pokémon. Lá encontraria uma fila gigantesca de outros treinadores esperando para curar seus companheiros de viajem. Depois de dez dias, sendo otimista, chegaria a vez de ser atendido pela enfermeira Joy. Ao perguntar por que tanta demora ela diria que é falta de funcionários. Entretanto, olhando para a sala destes atrás da enfermeira, o treinador encontraria várias pessoas jogando truco, algumas com jaleco de doutores. Questionada se aqueles não eram os tais funcionários ela responde, com cara amarrada que eles estavam no intervalo. Então ocorre a réplica do treinador dizendo que observara o grupo a umas três horas, onde as mesmas pessoas permaneciam. Irritada, a funcionária diria para que fosse feita, então, uma reclamação no departamento adequado, já que não era a função dela.
     Depois de pegar os pokémons curados, cinco segundos depois, o treinador decidiu fazer a reclamação e questionar porque tanta demora visto que o tratamento demorava apenas cinco segundos por vez. Dois dias de fila depois ele entra em contato com o responsável que, para a sua surpresa, era um dos jogadores de truco. Ao fazer a reclamação, foi mal atendido, o que deixou-o furioso. Em um segundo ele se viu xingando o funcionário, que respondeu então para que entrasse com um processo, mas que ele jamais seria demitido por ser funcionário público. Anos depois, após recorrer em todas as instâncias, foi o próprio treinador que teve que pagar uma indenização por xingar o funcionário.
     Mudando de assunto, soube de um treinador que, no meio de um campeonato, escolheu um Bubassauro, que se recusou a lutar. Ao questionar o pokémon, este responde, com seus sons aqui traduzidos, que ele, assim como seus parceiros estavam em greve. Ao rebater que eles eram bem tratados, recebiam comida, carinho e afeto, o monstrinho responde que queriam mais e se negou a lutar. Em seguida ele foi nocauteado pelo adversário e todos, pokemons grevistas e treinador, saíram perdendo. 
     Já outro, ao enfrentar um Onix com seu Pikachu, vendo que todos os ataques eram ineficazes, decidiu substitui-lo por um Squirtel, já que este teria vantagem. Ao ordenar que o seu pokémon saísse, este responde, aqui também sendo traduzido, que aquilo era um golpe do senhor Squirtel, uma tentativa de tomar o poder. Depois do choque, o treinador responde que é de conhecimento público que pokémons de água tem vantagens contra os de pedra, o que o pokémon elétrico revoltado responde ser uma estratégia da mídia golpista para justificar a substituição. Mais uma vez todos perderam. 
     Por fim, soube de um outro treinador que comprou um remédio que recuperaria cem de vida. Ao usá-lo em seu Charmander, recuperou 50, deixando ainda o pokémon dopado. Foi, então reclamar na loja oficial em que comprou o produto dizendo que este estava batizado. O vendedor desconversou, mas, por fim, disse que por 100 moedas poderia resolver este problema. depois de se negar a cometer tal ato corrupto, o treinador saiu encontrando um camelô vendendo remédios pela metade do preço. Aproveitando a suposta oportunidade, comprou um estoque dos produtos, se gabando de como era inteligente para todos os seus amigos. Alguns até questionaram a origem ou os direitos de venda da empresa criadora do remédio, mas o treinador só respondeu que o mundo é dos espertos.
     Se estas e outra práticas comuns aqui no Brasil acontecessem no mundo de pokémon, tanto o game como o anime, seriam insuportáveis, não obtendo todo o sucesso alcançado. Se é tão ruim na ficção, porque deixamos isso ocorrer na vida real? Por que nos calamos perante a estas e a outras tantas práticas absurdas? Por que não fazemos nada esperando que a resposta nos seja dada em uma bandeja de prata ou fugimos do país? Por que ficamos apenas chorando,  reclamando de como temos azar, de como outros países são melhores e de como nossos governantes, de todos os partidos, são corruptos,  sem fazer nada na prática para mudar isso? Acorde, povo brasileiro
     Saudações gamers
__________________________________________________________________
     A NGC quer saber sua opinião. Ela é importante para nós. Faça seus comentários, divulgue nosso trabalho e siga-nos nas redes sociais. Ajude-nos a melhore a comunidade gamer do Brasil. Juntos somos mais fortes.
     E não se esqueça de prestigiar os nossos parceiros. É só clicar em um dos banners aqui no nosso site, assim TODO MUNDO sai ganhando. É rápido e prático.
     
  • Clique aqui para nos seguir no Twitter
  • Clique aqui para nos seguir no Facebook
  • Clique aqui para nos seguir no Google +

UNBOXING: Demolidor (Daredevil) Marvel Comics / Iron Studios

Vídeo do EngLeo da Cjbr

www.cjbr.com.br





__________________________________________________________________


     A NGC quer saber sua opinião. Ela é importante para nós. Faça seus comentários, divulgue nosso trabalho e siga-nos nas redes sociais. Ajude-nos a melhore a comunidade gamer do Brasil. Juntos somos mais fortes.
     E não se esqueça de prestigiar os nossos parceiros. É só clicar em um dos banners aqui no nosso site, assim TODO MUNDO sai ganhando. É rápido e prático.
     
  • Clique aqui para nos seguir no Twitter
  • Clique aqui para nos seguir no Facebook
  • Clique aqui para nos seguir no Google +

segunda-feira, 26 de dezembro de 2016

O bom, o mau e a sociedade feia

     Após assistir ao vídeo de Natal do EngLeo da Cjbr, não resisti e precisei escrever este texto para dizer a minha opinião. Só para situar ele fez uma reflexão sobre como é fácil substituir uma pessoa má, assim como corrupto e demais mazelas de caráter, mas que os bons são insubstituíveis, completando que existe uma tendência humana em encontrar falhas de caráter na pessoa que até então era boa. É como foi dito no filme Batman: o cavaleiro das trevas, ou a pessoa morre como herói ou vive até virar vilão. Adorei esta reflexão.
     É comum vermos, quando uma pessoa é boa, uma busca implacável para encontrar um passado sujo, um leve desvio moral e assim por diante. O exemplo dado pelo Leo foi ótimo. É como aquele estudante que só tira nota boa. Enquanto isso ocorre ninguém dá bola, mas no momento que ele, por algum motivo, tira uma nota ruim, todos começam a falar que ele não é tudo isso, que ele é péssimo e assim por diante. Secretamente, a grande maioria da classe torce pelo fracasso deste indivíduo de modo que ele chegue no nível dos demais. Uma outra opção é que todos se esforçassem e buscassem melhorar, mas isso dá muito trabalho então é melhor secar o gênio, não é?
     Quando falam disso sempre penso na Sandy, a cantora. Sempre foi uma pessoa responsável, preocupada, que se importava com a família. O que muitos considerariam um bom exemplo. Mas, ao invés de elevarem estas qualidades buscavam falhas de caráter, leves escorregões de modo a denegri-la e quando estas surgissem virariam motivos de chacota. Por outro lado vemos milhares de celebridades que são péssimos exemplos, com extravagâncias, egoísmo, interesses, mas estas são louvadas, endeusadas, reverenciadas. Dei este exemplo, mas temos muitos outros de pessoas más amadas e boas perseguidas. E depois perguntam porque o país não vai para a frente.
     Ninguém é perfeito. Todos falham e cometem erros, mas, apesar de nunca chegarmos à perfeição, temos que buscar sermos sempre melhores, diminuindo nossas fraquezas e incentivando nossas qualidades. Do mesmo modo, devemos inverter a mentalidade vigente e começar a criticar os maus e louvar os bons. Devemos parar de sermos cúmplices de crimes apoiando ou se calando perante atos errados, mas que alguns consideram comuns como dirigir depois de beber, colar nas provas, comprar produtos piratas, dar suborno, usar o "você sabe com quem está falando" e assim por diante. Somente combatendo estas pequenas corrupções e que faremos um país menos corrupto. Vamos parar com esta caça aos podres dos bons e sim buscarmos sermos como eles, quem sabe até superando as falhas destes. 
     Nosso mundo pode não ter heróis perfeitos, sem nenhuma falha de caráter como em livros e quadrinhos, mas isso não significa que devemos desistir de buscar a evolução contínua, tanto moral, como social, política e semelhantes. Somos críticos com os outros, principalmente com os bons, atrás de falhas de caráter, mas agimos da mesma forma com nós mesmos? O dia em que a resposta for verdadeiramente um sim o Brasil e seu povo serão de fato relevantes e farão a diferença no mundo.
     Saudações gamers
__________________________________________________________________
     A NGC quer saber sua opinião. Ela é importante para nós. Faça seus comentários, divulgue nosso trabalho e siga-nos nas redes sociais. Ajude-nos a melhore a comunidade gamer do Brasil. Juntos somos mais fortes.
     E não se esqueça de prestigiar os nossos parceiros. É só clicar em um dos banners aqui no nosso site, assim TODO MUNDO sai ganhando. É rápido e prático.
     
  • Clique aqui para nos seguir no Twitter
  • Clique aqui para nos seguir no Facebook
  • Clique aqui para nos seguir no Google +

The Last Guardian : Vale ou não a pena jogar

Vídeo do Zangado





__________________________________________________________________


     A NGC quer saber sua opinião. Ela é importante para nós. Faça seus comentários, divulgue nosso trabalho e siga-nos nas redes sociais. Ajude-nos a melhore a comunidade gamer do Brasil. Juntos somos mais fortes.
     E não se esqueça de prestigiar os nossos parceiros. É só clicar em um dos banners aqui no nosso site, assim TODO MUNDO sai ganhando. É rápido e prático.
     
  • Clique aqui para nos seguir no Twitter
  • Clique aqui para nos seguir no Facebook
  • Clique aqui para nos seguir no Google +

domingo, 25 de dezembro de 2016

Feliz Natal!

     A NGC deseja a todos um bom natal. Torcemos que o Papai Noel tenha trazido os presentes desejados pelas crianças, que os adultos tenham aproveitado a ceia, sempre com moderação para não passar mal, neste que alguns consideram o momento de engorda com vários pratos deliciosos e que todos tenham aproveitado a noite e aproveitem o dia de hoje.
     Desejamos a todos um feliz Hanukkah. Apesar de não conhecer como gostaria esta festividade judaica sei que é por esta época e, portanto, em nome da NGC também desejo que seja incrível para os que o celebram. Da mesma forma, caso existam comemorações de outras religiões nesta época do ano, deixamos nossos cumprimentos e pedimos para nos ensinarem mais sobre estas festividades.
     Se você não comemora o natal ou nenhuma data especial neste período, também desejamos tudo de bom. Podemos ter as mais diferentes crenças, mas o respeito deve sempre permanecer, seja às pessoas, suas crenças e seus costumes.
     Para os gamers, esperamos que tenham ganho jogos, acessórios, itens da cultura gamer ou, quem sabe, até um console ou peças para o seu PC gamer. Porém, mais importante do que os presentes, a comida boa e todas as festividades, devemos ter, independentemente de nossa crença, nossa cultura, nossa língua, nossa cor, nossa opção sexual, etc. respeito pelo próximo, sempre buscando sermos pessoas melhores, com ética e demais valores. Não só nos videogames devemos buscar nos superarmos, mas na vida também.
     Saudações gamers e os melhores desejos da NGC
__________________________________________________________________
     A NGC quer saber sua opinião. Ela é importante para nós. Faça seus comentários, divulgue nosso trabalho e siga-nos nas redes sociais. Ajude-nos a melhore a comunidade gamer do Brasil. Juntos somos mais fortes.
     E não se esqueça de prestigiar os nossos parceiros. É só clicar em um dos banners aqui no nosso site, assim TODO MUNDO sai ganhando. É rápido e prático.
     
  • Clique aqui para nos seguir no Twitter
  • Clique aqui para nos seguir no Facebook
  • Clique aqui para nos seguir no Google +

Watch Dogs 2 #10: Invadindo a Google - PS4 / Xbox One

Vídeo do EngLeo da Cjbr

www.cjbr.com.br





__________________________________________________________________


     A NGC quer saber sua opinião. Ela é importante para nós. Faça seus comentários, divulgue nosso trabalho e siga-nos nas redes sociais. Ajude-nos a melhore a comunidade gamer do Brasil. Juntos somos mais fortes.
     E não se esqueça de prestigiar os nossos parceiros. É só clicar em um dos banners aqui no nosso site, assim TODO MUNDO sai ganhando. É rápido e prático.
     
  • Clique aqui para nos seguir no Twitter
  • Clique aqui para nos seguir no Facebook
  • Clique aqui para nos seguir no Google +

sábado, 24 de dezembro de 2016

Star Wars Battlefront: Zona de Impacto - PS4 / Xbox One

Vídeo do EngLeo da Cjbr

www.cjbr.com.br





__________________________________________________________________


     A NGC quer saber sua opinião. Ela é importante para nós. Faça seus comentários, divulgue nosso trabalho e siga-nos nas redes sociais. Ajude-nos a melhore a comunidade gamer do Brasil. Juntos somos mais fortes.
     E não se esqueça de prestigiar os nossos parceiros. É só clicar em um dos banners aqui no nosso site, assim TODO MUNDO sai ganhando. É rápido e prático.
     
  • Clique aqui para nos seguir no Twitter
  • Clique aqui para nos seguir no Facebook
  • Clique aqui para nos seguir no Google +

Realidade Virtual como Intervenção na Síndrome de Down: uma Perspectiva de Ação na Interface Saúde e Educação

Artigo de Suelen Moraes de Lorenzo, Lígia Maria Presumido Braccialli e Rita de Cássia Tibério Araújo

http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-65382015000200259&lang=pt
__________________________________________________________________
     A NGC quer saber sua opinião. Ela é importante para nós. Faça seus comentários, divulgue nosso trabalho e siga-nos nas redes sociais. Ajude-nos a melhore a comunidade gamer do Brasil. Juntos somos mais fortes.
     E não se esqueça de prestigiar os nossos parceiros. É só clicar em um dos banners aqui no nosso site, assim TODO MUNDO sai ganhando. É rápido e prático.
     
  • Clique aqui para nos seguir no Twitter
  • Clique aqui para nos seguir no Facebook
  • Clique aqui para nos seguir no Google +

sexta-feira, 23 de dezembro de 2016

Opiniões divergentes

     É comum encontrarmos, seja na internet, seja em livros e revistas, listas dos melhores, pode ser os melhores livros, filmes, games e assim por diante. Para quem já viu uma destas, provavelmente não deve ter concordado com o que foi dito, faria um ranking diferente ou algo semelhante. Isso é bom, pois mostra que você tem a sua própria opinião ou caminha neste sentido. O que é ruim é se você cair matando em cima da pessoa ou empresa que fez a lista. Não concordar é uma coisa, não respeitar, ofendendo alguém que pensa diferente é outra.
     No youtube encontramos vários Top 5, top 10 ou mais listas com os melhores e piores jogos. Muitas vezes você concorda, já outras você questiona. Para o segundo caso faça sempre com educação e respeito. Argumente mostrando os seus pontos. Você não está buscando converter a outra  pessoa para o seu lado e sim mostrar que pensa diferente. 
     Infelizmente isso nem sempre acontece e não é só com listas. Na política estamos cansados de ver, todo santo dia, mensagens xingando o governo ou defendendo de forma cega, o mesmo vale para o esporte com seu time sendo o melhor e o resto lixo. Muita calma nesta hora. A pessoa pensa diferente, legal. Ela que fique com seus credos e você com o seu. Se o assunto for meio tenso então não toque nele. Temos tantas outras coisas que conversar. Agora, se você quer brigar, sugiro fazer alguma forma de arte marcial, assim, além de extravasar esta fúria, aprende a ter foco e disciplina.
     Já disse em outros textos que, para mim, estas listas são mais sugestões, guias de filmes, livros, games, etc. a serem conhecidos, mas jamais algo definitivo, incontestável, uma verdade absoluta. Seja como for respeito é fundamental, apesar de ser algo em extinção. 
     Saudações gamer e respeite as opiniões diferentes
__________________________________________________________________
     A NGC quer saber sua opinião. Ela é importante para nós. Faça seus comentários, divulgue nosso trabalho e siga-nos nas redes sociais. Ajude-nos a melhore a comunidade gamer do Brasil. Juntos somos mais fortes.
     E não se esqueça de prestigiar os nossos parceiros. É só clicar em um dos banners aqui no nosso site, assim TODO MUNDO sai ganhando. É rápido e prático.
     
  • Clique aqui para nos seguir no Twitter
  • Clique aqui para nos seguir no Facebook
  • Clique aqui para nos seguir no Google +

Overwatch - Winter Wonderland (Feliz Natal)

Vídeo do Zangado





__________________________________________________________________


     A NGC quer saber sua opinião. Ela é importante para nós. Faça seus comentários, divulgue nosso trabalho e siga-nos nas redes sociais. Ajude-nos a melhore a comunidade gamer do Brasil. Juntos somos mais fortes.
     E não se esqueça de prestigiar os nossos parceiros. É só clicar em um dos banners aqui no nosso site, assim TODO MUNDO sai ganhando. É rápido e prático.
     
  • Clique aqui para nos seguir no Twitter
  • Clique aqui para nos seguir no Facebook
  • Clique aqui para nos seguir no Google +

quinta-feira, 22 de dezembro de 2016

Os guias definitivos

     Passeando por uma livraria de shopping, encontrei, na parte de esportes e hobbies, alguns livros relacionados com videogames. Não sobre a história, programação ou mesmo romances baseados em sagas famosas, mas vários Guias definitivos, os livros que pretendem ensinar tudo, como diz o título, sobre um jogo específico.
     Para quem não conhece este tipo de literatura é um livro que explica a função de cada item e acessório, as vantagens e desvantagens de cada classe, dicas de como evoluir rápido, locais secretos e assim por diante. Já mencionei que na Bienal do livro deste ano encontrei exemplares de diversas editoras de guias para o Pokémon GO. Desta vez encontrei de League of Legends, ou LOL e de DOTA.
     Quando eu era menor lembro que, ao invés de livros, comprávamos revistas nas bancas sobre algum jogo específico, normalmente de luta ensinado a dar os golpes especiais ou, no caso de Mortal Kombat, os fatalities. Imagino que a nova versão seja mais completa. Com a difusão da internet e com os jogos de luta ensinando os movimentos, o que eu gosto, já que antes, salvo descobrir por conta própria ou comprar uma destas revistas, eramos obrigados a não usar estas técnicas, o que tirava boa parte da graça, as editoras precisaram criar algo mais chamativo e mais completo. Esta categoria de livros pode ser uma boa porta de entrada para a leitura e para um game popular. Neste sentido, assim como no de aumento de publicações relacionadas aos games, torço para que dê certo. Agora não espere ter todas as respostas e se tornar o supremo jogador, após a leitura do livro. Isso vem com muita prática, paixão e dedicação. Uma coisa é ter o mapa outro é trilha-lo. 
     Saudações gamers
__________________________________________________________________
     A NGC quer saber sua opinião. Ela é importante para nós. Faça seus comentários, divulgue nosso trabalho e siga-nos nas redes sociais. Ajude-nos a melhore a comunidade gamer do Brasil. Juntos somos mais fortes.
     E não se esqueça de prestigiar os nossos parceiros. É só clicar em um dos banners aqui no nosso site, assim TODO MUNDO sai ganhando. É rápido e prático.
     
  • Clique aqui para nos seguir no Twitter
  • Clique aqui para nos seguir no Facebook
  • Clique aqui para nos seguir no Google +

Watch Dogs 2 #09: Meu Mundo Acabou! - PS4 / Xbox One

Vídeo do EngLeo da Cjbr

www.cjbr.com.br





__________________________________________________________________


     A NGC quer saber sua opinião. Ela é importante para nós. Faça seus comentários, divulgue nosso trabalho e siga-nos nas redes sociais. Ajude-nos a melhore a comunidade gamer do Brasil. Juntos somos mais fortes.
     E não se esqueça de prestigiar os nossos parceiros. É só clicar em um dos banners aqui no nosso site, assim TODO MUNDO sai ganhando. É rápido e prático.
     
  • Clique aqui para nos seguir no Twitter
  • Clique aqui para nos seguir no Facebook
  • Clique aqui para nos seguir no Google +

quarta-feira, 21 de dezembro de 2016

O último ZGA?

     Vendo o vídeo do ZGA 2016, me assustei com a notícia de que este seria o último. Não sei bem o porquê disso, visto que é o prêmio mais completo, apesar do humor, de games, dando aula ou, como diria Rômulo Mendonça, doutrinando o The game Awards, só sei que é uma pena.
     Não sei se o Zangado vai se aposentar como dizem alguns rumores, se fazer o ZGA deu algum problema para ele ou seja lá o que for, sei que lamento profundamente. Porém, supondo que este que deve ser o youtuber mais querido no país, um deles com certeza, pare de produzir os vídeos, por um lado lamentaríamos, por outro manteríamos a gratidão a tudo o que foi feito, pelo legado deixado e continuaríamos na nossa jornada em prol dos gamers do Brasil.
     Temos que esperar os próximos capítulos para ver o que acontecerá, mas uma coisa posso prometer. Mesmo que símbolos como o Zangado deixem de produzir conteúdo, nós, gamers do país , não vamos parar de lutar pelo nosso espaço, pois, como todos sabem, vamos até o fim, até zerar o jogo. A NGC continuará nesta campanha, difundindo e incentivando a cultura gamer. Temos um sonho e não iremos para até ele ser alcançado.
     Saudações gamers
__________________________________________________________________
     A NGC quer saber sua opinião. Ela é importante para nós. Faça seus comentários, divulgue nosso trabalho e siga-nos nas redes sociais. Ajude-nos a melhore a comunidade gamer do Brasil. Juntos somos mais fortes.
     E não se esqueça de prestigiar os nossos parceiros. É só clicar em um dos banners aqui no nosso site, assim TODO MUNDO sai ganhando. É rápido e prático.
     
  • Clique aqui para nos seguir no Twitter
  • Clique aqui para nos seguir no Facebook
  • Clique aqui para nos seguir no Google +

ZGA 2016 - Parte 2/2 (O Fim)

Vídeo do Zangado





__________________________________________________________________


     A NGC quer saber sua opinião. Ela é importante para nós. Faça seus comentários, divulgue nosso trabalho e siga-nos nas redes sociais. Ajude-nos a melhore a comunidade gamer do Brasil. Juntos somos mais fortes.
     E não se esqueça de prestigiar os nossos parceiros. É só clicar em um dos banners aqui no nosso site, assim TODO MUNDO sai ganhando. É rápido e prático.
     
  • Clique aqui para nos seguir no Twitter
  • Clique aqui para nos seguir no Facebook
  • Clique aqui para nos seguir no Google +

terça-feira, 20 de dezembro de 2016

Jogar com a vida humana? Tô fora

     Apesar do enorme sucesso gerado e de muitas ideias criativas, tenho um pequeno problema com Realities Shows. Alguns tem o cerne em si idiota, mas outros tem propostas legais, porém chega um ponto em que os participantes começam a jogar com a vida das outras pessoas, seja fazendo intriga, bolando planos de colocar um contra o outro, mentindo, sendo falsos e assim por diante. Quando isso começa perco a vontade de assistir ao programa e me lembro porque raramente assisto este tipo de entretenimento. 
     Ao usarem estas estratégias, os participantes alegam que estão em um jogo e que estão ali para ganhar. Como eu acredito no "que vença o melhor", não concordo com esta atitude. É um pensamento de guerra., por sinal mesmo nessas já questiono o uso de tais técnicas, apesar de entender as razões, imagine como me sinto assistindo a um programa que visa divertir?
     Mas não são só nos realities shows que isso ocorre. A política é um prato cheio neste assunto. Mas não falarei sobre isso neste texto, sendo este tema mais assunto de um livro daqueles "tijolos". O que queria comentar era sobre os videogames, jogos eletrônicos onde comandamos personagens, mas, por não serem reais, não se enquadram no que já foi dito até agora. Em um game podemos controlar desde exércitos inteiros, passando por guerreiros, encanadores, animais, carros, etc. Sabe qual é o dano real causado a estes. Nenhum. Assim podemos fazer o que quisermos sem gerar dano a nenhuma pessoa. Se você questionar os malefícios causados aos gamers, sugiro ler mais textos de nosso site, como os trabalhos acadêmicos que também postamos.
     Ao jogarmos videogames temos aquela sensação de conhecer novos mundos, novas culturas, formas diferentes de pensar e de agir, assim como em um reality show, mas, diferentemente deste, pessoas reais não são usadas por outros participantes para seus objetivos mesquinhos, apesar de ambos, games e realities, serem destinados à diversão e ao entretenimento. Claro que, se o reality não induzir à essas praticas e se, obviamente, a ideia do programa for boa, vale dar uma olhada, mas em todos os casos o videogame se mostra, neste sentido, uma forma melhor de diversão, onde nosso prazer é gerado não por planos maquiavélicos, e sim por vencer desafios, se superar, sobreviver à hordas de zumbis ou seja lá qual for sua inspiração para jogar.
     Saudações gamers 
__________________________________________________________________
     A NGC quer saber sua opinião. Ela é importante para nós. Faça seus comentários, divulgue nosso trabalho e siga-nos nas redes sociais. Ajude-nos a melhore a comunidade gamer do Brasil. Juntos somos mais fortes.
     E não se esqueça de prestigiar os nossos parceiros. É só clicar em um dos banners aqui no nosso site, assim TODO MUNDO sai ganhando. É rápido e prático.
     
  • Clique aqui para nos seguir no Twitter
  • Clique aqui para nos seguir no Facebook
  • Clique aqui para nos seguir no Google +

The Dwarves: Primeira Gameplay - Xbox One / Playstation 4

Vídeo do EngLeo da Cjbr

www.cjbr.com.br





__________________________________________________________________


     A NGC quer saber sua opinião. Ela é importante para nós. Faça seus comentários, divulgue nosso trabalho e siga-nos nas redes sociais. Ajude-nos a melhore a comunidade gamer do Brasil. Juntos somos mais fortes.
     E não se esqueça de prestigiar os nossos parceiros. É só clicar em um dos banners aqui no nosso site, assim TODO MUNDO sai ganhando. É rápido e prático.
     
  • Clique aqui para nos seguir no Twitter
  • Clique aqui para nos seguir no Facebook
  • Clique aqui para nos seguir no Google +

segunda-feira, 19 de dezembro de 2016

Unboxing : One Piece Burning Blood - Marineford Edition

Vídeo do Zangado





__________________________________________________________________


     A NGC quer saber sua opinião. Ela é importante para nós. Faça seus comentários, divulgue nosso trabalho e siga-nos nas redes sociais. Ajude-nos a melhore a comunidade gamer do Brasil. Juntos somos mais fortes.
     E não se esqueça de prestigiar os nossos parceiros. É só clicar em um dos banners aqui no nosso site, assim TODO MUNDO sai ganhando. É rápido e prático.
     
  • Clique aqui para nos seguir no Twitter
  • Clique aqui para nos seguir no Facebook
  • Clique aqui para nos seguir no Google +

Manual do Futebol Americano

     Estes dias ganhei o livro Manual do Futebol Americano de Antony Curti, publicado pela Simonsen. O livro do comentarista da ESPN é ainda mais completo do que eu pensava, indo do básico ao avançado deste esporte que está crescendo no país.
     Comecei a acompanhar o Futebol Americano desde o Super Bowl XLVII e, desde então virei fã do esporte. Apesar de ter uma excelente base, após assistir vários jogos na ESPN, queria aprofundar meu conhecimento e, quando soube do Livro do Antony Curti, fiquei bem animado. 
     Para quem não conhece o esporte, saiba que ele é extremamente vibrante com emoção até o último segundo, literalmente. Não é difícil entender o básico, mas para saber os detalhes é necessário mais estudo e é aí que entra este livro. Conhecer as jogadas, as principais estratégias, um pouco da história dos times e assim por diante será facilitado por esta leitura. 
     Eu diria que, para um gamer, este livro é três em um. Não só um livro para ler, mas também um impulso para assistir e conhecer ainda mais o esporte e uma ferramenta para turbinar e incentivar às pessoas a jogarem Madden, o jogo eletrônico de Futebol Americano. Depois de conhecer melhor as regras e as estratégias a chance de sucesso será maior. Fazendo uma comparação, em termos estratégicos, com o nosso futebol, seria a diferença entre jogar uma pelada com os amigos e jogar em um time de ponta com o melhor dos técnicos. Já a habilidade virá com a prática.
     Se você é fã do esporte, quer conhecê-lo, ficou curioso, quer jogar melhor o Madden ou todas as anteriores este livro parece ser uma boa pedida. Quem sabe, depois de lê-lo, não comento em um texto futuro? O único jogo de futebol americano que joguei foi um do Nintendinho, ainda não tendo a oportunidade de jogar o Madden. Talvez isto esteja prestes a mudar.
     Saudações gamers
__________________________________________________________________
     A NGC quer saber sua opinião. Ela é importante para nós. Faça seus comentários, divulgue nosso trabalho e siga-nos nas redes sociais. Ajude-nos a melhore a comunidade gamer do Brasil. Juntos somos mais fortes.
     E não se esqueça de prestigiar os nossos parceiros. É só clicar em um dos banners aqui no nosso site, assim TODO MUNDO sai ganhando. É rápido e prático.
     
  • Clique aqui para nos seguir no Twitter
  • Clique aqui para nos seguir no Facebook
  • Clique aqui para nos seguir no Google +

Livraria Cultura

domingo, 18 de dezembro de 2016

A menina que jogava videogames

     Um dia destes estava em um Shopping e, como de costume, fui logo para a grande livraria deste centro de compras. Depois de dar uma olhada nos livros, dei uma passadinha na sessão de games. Eis que encontro, jogando o Xbox One lá exposto, uma garotinha de uns dez anos no máximo super entretida. Cheguei mais perto desta menina loira, de cabelos cacheados presos em um rabo de cavalo e que usava um casaco jeans para ver qual era o jogo em que ela estava tão entretida. Para minha surpresa, era um jogo que me pareceu um Resident Evil. 
     Como todo bom gamer, ela estava com aquele olhar concentrado e ao mesmo tempo pronto para a batalha, um real olho de tigre. Analisava cada movimento de seu personagem, testando todos os seus comandos, andando pelas fase em modo de reconhecimento, pronta para agir quando assim fosse necessário. Visto isso, andei mais um pouco pela loja. 
     Depois de um tempo voltei para a área dos games e lá estava ela, ainda jogando, para o desespero de um adolescente oriental, louco para por as mãos no controle e jogar um pouco. Decidi parar e observar esta cena. A garotinha loira estava, além de concentrada, nitidamente contente ao jogar, tanto é que, ao ser chamada por sua mãe ou responsável, falou a frase comum para os amantes de games: "só mais um pouquinho". 
     Depois de mexer no inventário, selecionar novos equipamentos e voltar para a batalha por mais um tempo, foi obrigada a deixar o querido controle, para a alegria de seu sucessor que logo o pegou e começou a jogar com a mesma expressão no rosto, antes presente no rosto da jovem gamer de cabelos loiros.
     Ao ver tudo isso fiquei bem contente, em alguns pontos nostálgico, lembrando da minha infância gamer. Fiquei feliz em ver a nova geração com a mesma expressão que eu mostrava quando eu tinha essa idade e, por sinal, que mantenho até hoje, quando jogo videogames. Uma maior felicidade foi derivada de ver uma menina jogando um jogo que, poucos anos atrás, seria considerado "coisa de homem". E tem gente que acha que videogame não é coisa de garota! Ótimo ver varias barreiras sendo rompidas, seja as do preconceito, das ideias arcaicas e a do tempo, com novos gamers surgindo a cada dia.
     Saudações gamers
__________________________________________________________________
     A NGC quer saber sua opinião. Ela é importante para nós. Faça seus comentários, divulgue nosso trabalho e siga-nos nas redes sociais. Ajude-nos a melhore a comunidade gamer do Brasil. Juntos somos mais fortes.
     E não se esqueça de prestigiar os nossos parceiros. É só clicar em um dos banners aqui no nosso site, assim TODO MUNDO sai ganhando. É rápido e prático.
     
  • Clique aqui para nos seguir no Twitter
  • Clique aqui para nos seguir no Facebook
  • Clique aqui para nos seguir no Google +

Batman Arkham Knight: Maníacos Harley Quinn

Vídeo do EngLeo da Cjbr

www.cjbr.com.br





__________________________________________________________________


     A NGC quer saber sua opinião. Ela é importante para nós. Faça seus comentários, divulgue nosso trabalho e siga-nos nas redes sociais. Ajude-nos a melhore a comunidade gamer do Brasil. Juntos somos mais fortes.
     E não se esqueça de prestigiar os nossos parceiros. É só clicar em um dos banners aqui no nosso site, assim TODO MUNDO sai ganhando. É rápido e prático.
     
  • Clique aqui para nos seguir no Twitter
  • Clique aqui para nos seguir no Facebook
  • Clique aqui para nos seguir no Google +

sábado, 17 de dezembro de 2016

Rogue One: Uma história Star Wars

     Fui assistir ao novo filme de Star Wars, Rogue One. Só digo uma coisa: Filmaço. Este filme se passa um pouco antes dos acontecimentos do Episódio IV e, apesar de não ser um capítulo propriamente dito da saga, serviu para enriquecer ainda mais este maravilhoso universo criado por George Lucas.
     Algo que me chamou muito a atenção foi a variedade de cenários e sua beleza. São lindíssimos. Nos games temos como hábito analisar a ambientação. Neste filme a mesma lógica pode ser aplicada. Sinceramente maravilhoso. Outro ponto são os personagens. Apesar de serem novos, se tratando dos principais, todos são extremamente carismáticos, com personalidade própria e que entram na já longa listas de personagens incríveis da saga. Gostei de todos, seja a Jyn Erso, a protagonista, passando pela dupla, Chirrut e Baze, Saw Gerrera e Galen Erson, mas, sem dúvidas, o que achei mais incrível e divertido é o novo droide K-2SO que merece entrar no hall da fama dos robôs da série junto com R2D2, C3PO e o recente BB8, cada um com sua personalidade, todos incríveis.
     Outro ponto que se deve falar é a brilhante participação de Darth Vader. Apesar de curta é extremamente impactante, mostrando toda a força do personagem, do impacto causado por ele. Outros queridinhos do público fazem sua participação, mas o Lorde Sith é o que mais se destaca dentre os rostos conhecidos.
     Normalmente não gosto de uma salva de palmas após um filme, mas desta vez aconteceu e eu gostei e explico o porquê. Normalmente, uma pessoa começa a bater palma e depois outras entram no coro. Desta vez não. Praticamente ao mesmo tempo, de uma forma extremamente espontânea, várias pessoas começaram a aplaudir o filme, após seu termino. Sem sombra de dúvidas mais um sucesso da série.
     Eu recomendo fortemente de assistirem ao filme. Claro que é possível que você discorde das minhas opiniões, mas vale a pena assisti-lo para tirar suas próprias conclusões. Algumas pessoas ficaram com pé atrás após o Episódio VII. Uns não gostaram, outros estão com medo de ser um "Copiar, colar" dos antigos. Se você fizer parte de um destes grupos, recomendo fortemente que assista a este novo filme, pois, além de um filmaço pode ser, para você, uma nova esperança.
     Saudações gamers e que a força esteja com você
__________________________________________________________________
     A NGC quer saber sua opinião. Ela é importante para nós. Faça seus comentários, divulgue nosso trabalho e siga-nos nas redes sociais. Ajude-nos a melhore a comunidade gamer do Brasil. Juntos somos mais fortes.
     E não se esqueça de prestigiar os nossos parceiros. É só clicar em um dos banners aqui no nosso site, assim TODO MUNDO sai ganhando. É rápido e prático.
     
  • Clique aqui para nos seguir no Twitter
  • Clique aqui para nos seguir no Facebook
  • Clique aqui para nos seguir no Google +

Let It Die : A Primeira Meia Hora

Vídeo do Zangado





__________________________________________________________________


     A NGC quer saber sua opinião. Ela é importante para nós. Faça seus comentários, divulgue nosso trabalho e siga-nos nas redes sociais. Ajude-nos a melhore a comunidade gamer do Brasil. Juntos somos mais fortes.
     E não se esqueça de prestigiar os nossos parceiros. É só clicar em um dos banners aqui no nosso site, assim TODO MUNDO sai ganhando. É rápido e prático.
     
  • Clique aqui para nos seguir no Twitter
  • Clique aqui para nos seguir no Facebook
  • Clique aqui para nos seguir no Google +

sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

Influência da prática virtual de yoga sobre o controle postural de mulheres idosas utilizando o Nintendo WII

Dissertação de mestrado de Frederico Augusto Costa e Lima Soares

http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/82/82131/tde-17072012-102920/pt-br.php
__________________________________________________________________
     A NGC quer saber sua opinião. Ela é importante para nós. Faça seus comentários, divulgue nosso trabalho e siga-nos nas redes sociais. Ajude-nos a melhore a comunidade gamer do Brasil. Juntos somos mais fortes.
     E não se esqueça de prestigiar os nossos parceiros. É só clicar em um dos banners aqui no nosso site, assim TODO MUNDO sai ganhando. É rápido e prático.
     
  • Clique aqui para nos seguir no Twitter
  • Clique aqui para nos seguir no Facebook
  • Clique aqui para nos seguir no Google +

Hitman #07: Doutrinas Vermelhas - Xbox One gameplay

Vídeo do EngLeo da Cjbr

www.cjbr.com.br





__________________________________________________________________


     A NGC quer saber sua opinião. Ela é importante para nós. Faça seus comentários, divulgue nosso trabalho e siga-nos nas redes sociais. Ajude-nos a melhore a comunidade gamer do Brasil. Juntos somos mais fortes.
     E não se esqueça de prestigiar os nossos parceiros. É só clicar em um dos banners aqui no nosso site, assim TODO MUNDO sai ganhando. É rápido e prático.
     
  • Clique aqui para nos seguir no Twitter
  • Clique aqui para nos seguir no Facebook
  • Clique aqui para nos seguir no Google +

quinta-feira, 15 de dezembro de 2016

Enquanto houver bambu, tem flecha

     Se você já assistiu um jogo de Futebol Americano na ESPN, provavelmente já escutou Everaldo Marques dizendo esta frase. Se você nunca assistiu, eu recomendo. Particularmente adoro o esporte. Algo que o faz tão incrível, e o motivo de se usar a frase "enquanto houver bambu, tem flecha", é que o jogo pode mudar até o último segundo, literalmente. Assim é necessário nunca desistir, do lado que está perdendo e não se acomodar, mesmo com um boa vantagem parcial, pois, em poucos minutos tudo pode mudar.
     Nos games a ideia é a mesma. Muitas vezes estamos perdendo de lavada, seja no modo online, seja no single player, mas, com muita dedicação e, mais importante, sem desistir, acabamos virando a partida. Comigo já aconteceram algumas vezes, em que, lutando contra um chefão, comecei mal, pensei "não será desta vez, mas vamos ver o que vai dar" e...Vencer. Tá aí uma grande lição para a vida, mais uma que podemos aprender com os videogames.
     O outro lado da frase é, como dito, de não se acomodar. Apesar de estar vencendo com uma boa vantagem, às vezes tudo muda, acabando com o seu moral. Portanto, assim como recomendado nos livros de estratégia, jamais menospreze seus adversários, pois, se eles lutarem até o fim, e, principalmente, se você não se esforçar, a vitória lhe escapará.
     Concluindo, esta frase "enquanto houver bambu, tem flecha" se encaixa muito bem nos games, nos ensinando a nos esforçarmos até o fim, assim como nos jogos de Futebol Americano e, claro, na vida. Se você nunca assistiu a um jogo de futebol americano, fica a dica. No começo pode parecer meio estranho, mas depois você vira fã. Quanto aos games, tenham certeza que eles tem muito a ensinar, como, por exemplo, a não desistir.
     Saudações gamers
__________________________________________________________________
     A NGC quer saber sua opinião. Ela é importante para nós. Faça seus comentários, divulgue nosso trabalho e siga-nos nas redes sociais. Ajude-nos a melhore a comunidade gamer do Brasil. Juntos somos mais fortes.
     E não se esqueça de prestigiar os nossos parceiros. É só clicar em um dos banners aqui no nosso site, assim TODO MUNDO sai ganhando. É rápido e prático.
     
  • Clique aqui para nos seguir no Twitter
  • Clique aqui para nos seguir no Facebook
  • Clique aqui para nos seguir no Google +

VR Experience #3 : Batman VR

Vídeo do Zangado





__________________________________________________________________


     A NGC quer saber sua opinião. Ela é importante para nós. Faça seus comentários, divulgue nosso trabalho e siga-nos nas redes sociais. Ajude-nos a melhore a comunidade gamer do Brasil. Juntos somos mais fortes.
     E não se esqueça de prestigiar os nossos parceiros. É só clicar em um dos banners aqui no nosso site, assim TODO MUNDO sai ganhando. É rápido e prático.
     
  • Clique aqui para nos seguir no Twitter
  • Clique aqui para nos seguir no Facebook
  • Clique aqui para nos seguir no Google +

quarta-feira, 14 de dezembro de 2016

Necessidade de padrões

     Após assistir ao vídeo do ZGA 2016, primeira parte, ficou claro, para mim, que The Game Awards, ou seja lá como se chamar na época em que você ler este texto, já que eles mudam de nome constantemente, peca com falta de padrão, não só no nome do prêmio, mas nas categorias. Cada ano deixamos de ter pelo menos uma categoria premiada e ganhamos pelo menos uma outra. Além da falta de continuidade, gera confusão nos fãs de games. Um exemplo clássico é o prêmio de melhor atuação, pois fica a dúvida se entra os dubladores ou as pessoas que fazem a captura de movimento ou ambos. Sinceramente acho que, como o Oscar, o prêmio em que se baseia o The game Awards, deveria ter um padrão. Nisso o ZGA é mais evoluído, apresentando categorias, mesmo que algumas hilárias, comuns em todos os anos, com algumas adições com o tempo.
     Ao meu ver acho uma pena não ter mais os prêmios de melhores jogos para cada plataforma, no caso de exclusivos, para melhores dubladores, divisão entre melhor som, melhor trilha sonora e melhor música individual, etc. Por outro lado gostei da ideia de jogo mais tocante, sem falar de melhor jogador. Por sinal vale a pena parabenizar mais uma vez o Coldzera, gamer brasileiro que venceu o título este ano.
     Acho ótima a ideia do The Game awards, mas penso que poderia ser ainda melhor, com ainda maior importância e, principalmente, com uma padronização dos prêmios de modo não só a facilitar o entendimento das categorias, sem falar em deixar de muda-las todos os anos, como a tornar o evento mais respeitado e menos criticado por esta constante confusão gerada, além da possibilidade de estimular as empresas a capricharem ainda mais nos jogos. Estamos no caminho certo, mas temos muito que melhorar.
     Saudações gamers
__________________________________________________________________
     A NGC quer saber sua opinião. Ela é importante para nós. Faça seus comentários, divulgue nosso trabalho e siga-nos nas redes sociais. Ajude-nos a melhore a comunidade gamer do Brasil. Juntos somos mais fortes.
     E não se esqueça de prestigiar os nossos parceiros. É só clicar em um dos banners aqui no nosso site, assim TODO MUNDO sai ganhando. É rápido e prático.
     
  • Clique aqui para nos seguir no Twitter
  • Clique aqui para nos seguir no Facebook
  • Clique aqui para nos seguir no Google +

Watch Dogs 2 : Vale ou não a pena jogar

Vídeo do Zangado





__________________________________________________________________


     A NGC quer saber sua opinião. Ela é importante para nós. Faça seus comentários, divulgue nosso trabalho e siga-nos nas redes sociais. Ajude-nos a melhore a comunidade gamer do Brasil. Juntos somos mais fortes.
     E não se esqueça de prestigiar os nossos parceiros. É só clicar em um dos banners aqui no nosso site, assim TODO MUNDO sai ganhando. É rápido e prático.
     
  • Clique aqui para nos seguir no Twitter
  • Clique aqui para nos seguir no Facebook
  • Clique aqui para nos seguir no Google +

terça-feira, 13 de dezembro de 2016

Quarto/ casa dos sonhos

     Apesar do título parecer produto da Barbie isso não tem a ver com a boneca mais famosa do mundo e sim com videogames. Também não tem a ver com o The Sims, diretamente, e sim com um espaço dedicado para games, o chamado gaming room, ou, para aqueles com muito mais poder aquisitivo, uma gaming house. Do mesmo jeito que uma menina sonhava em ter uma casa da Barbie, isso é, se curtiam a boneca, para os muitos gamers, independentemente do sexo, ter um gaming room é uma das metas a ser alcançada.
     Basicamente consiste em um quarto dedicado aos games, com vários consoles, jogos, itens de colecionador, action figures, posteres e semelhantes. No caso da casa é o mesmo, mas em larga escala. Para isso empresas como o Clube Casa Geek ajuda bastante. Para alguns pode parecer besteira, para outros é A meta. Obviamente, para alcança-la é necessário espaço, paciência para arrumar tudo e dinheiro, esse que tratarei com mais ênfase em um texto específico.
     Para os que acompanham Youtubers, já devem ter visto o Gaming Room do BRKsEdu, com seus consoles, jogos dos mais diversos e itens das edições de colecionador. Realmente sensacional. Um outro youtuber, este mais voltado para tecnologia, mas com um quarto em certos aspectos, muito próximo a um gaming room, é o Bernardo Almeida, com seus sistemas de som, PS4, as características LEDs, para iluminar seu setup e, claro, o Cable maneger impecável, marca registrada dele. É algo de babar. Lindíssimo. E de quebra cheio de Legos. Se você, assim como eu, é fã dos bloquinhos, tem grande chance de gostar deste quarto.
     Um youtuber, que não tem bem um gaming room, por assim dizer, mas que mostra itens que se encaixariam em um perfeitamente é o EngLeo da Cjbr. Sua coleção de action figures e estátuas é impressionante. Como podemos ver em seus vídeos de unbox, a coleção conta com vários temas relacionadas com videogames, com vários itens de colecionador, maravilhosas estátuas feitas pela Iron Studios e demais companhias, sem falar do sabre de luz, sonho de todo fã de Star Wars.
     Ter um gaming room ou, quem sabe até uma gaming house, é o sonho de muitos gamers. Consoles, jogos, enfeites, colecionáveis, sem falar de equipamento de ponta, como sistema de som e televisores, são itens muito desejados que, somados, formam este espaço dos sonhos. Agora é trabalhar bastante para obter esta conquista, mas, convenhamos, é um excelente estímulo.
     Saudações gamers
__________________________________________________________________
     A NGC quer saber sua opinião. Ela é importante para nós. Faça seus comentários, divulgue nosso trabalho e siga-nos nas redes sociais. Ajude-nos a melhore a comunidade gamer do Brasil. Juntos somos mais fortes.
     E não se esqueça de prestigiar os nossos parceiros. É só clicar em um dos banners aqui no nosso site, assim TODO MUNDO sai ganhando. É rápido e prático.
     
  • Clique aqui para nos seguir no Twitter
  • Clique aqui para nos seguir no Facebook
  • Clique aqui para nos seguir no Google +